Aprenda a Investir na Bolsa de Valores

4. ALTERNATIVAS DE PARTICIPAÇÃO NO MERCADO DE AÇÕES

4.1 Como participar do mercado de ações

O investidor pode participar do mercado, basicamente, de duas formas:

1) Individualmente – o interessado manifesta sua intenção a uma Sociedade Corretora, que será a intermediária das negociações. É feito então um cadastro para a abertura de uma conta investimento. Todas as movimentações da conta corrente do investidor para a conta investimento nas corretoras da Bovespa não incidem o custo de CPMF.

2) Coletivamente – os interessados adquirem cotas de clubes de investimentos ou de fundos mútuos de ações.

a. Fundos de investimento

Entidade financeira que, pela emissão de título de investimento próprio, o Certificado de Investimento, denominado em quotas, concentra capitais de inúmeros investidores para aplicação em carteiras diversificadas de títulos, valores mobiliários, instrumentos financeiros, derivativos ou commodities negociadas em bolsas de mercadorias e futuros.

b. Clubes de investimento

Condomínio constituído por pessoas físicas para aplicação de recursos comuns em títulos e valores mobiliários, dentro de regras específicas estabelecidas pela CVM – Comissão de Valores Mobiliários e pelas Bolsas de Valores.

Ainda que seja uma pessoa jurídica, aparece nas estatísticas da Bolsa como negócio de pessoas físicas.

Essas formas de investimento coletivo, administrado por sociedades corretoras e outras instituições autorizadas, são associações de aplicadores com um objetivo comum, que é a inversão em uma carteira diversificada de ações.

26 comentários

  1. Gisa

    É realmente uma ótima oportunidade para quem quer começar a investir e não sabe como. Parabéns pela iniciativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *