História da Arte Brasileira

Arte Contemporânea
Durante a terceira fase do Modernismo no Brasil, em 1951, aconteceu a primeira Bienal de São Paulo, que possibilitou o intercâmbio cultural com mais de 20 países e favoreceu o surgimento da arte abstrata no Brasil.

Dois grupos destacaram-se no abstracionismo geométrico (arte concreta): o Grupo Ruptura, formado em 1952, em São Paulo e o Grupo Frente, em 1954, no Rio de Janeiro. Hélio Oiticica fez parte do Grupo Frente.

Já na pintura figurativa expressionista (que estava em alta antes da arte concreta), além dos já citados Lasar Segall, Anita Malfatti e Candido Portinari, destacou-se também Aldemir Martins, o primeiro brasileiro a ser premiado na Bienal de Veneza.

3 comentários

  1. que bom que hoje as pessoas podem conhecer as estórias do brasil em qualquer lugar do mundo excelente parabéns. olha ai garotada ta mesa.

  2. Adorei, conteudo muito bem elaborado.

  3. Conteúdo muito bom, para estudantes e veteranos já desatualizados como eu gostei bastante deste curso podem conferir é ótimo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *