Curso História da Arte da Antiguidade

Arte Romana
A arte romana foi influenciada pela arte etrusca, grega e helenística. Mas tem vários aspectos únicos. Na arquitetura, os romanos usaram mais os arcos, abóbadas e cúpulas. Uma inovação foi a construção das termas: locais para banhos públicos, que além das piscinas, tinham vestiário, jardins e espaço para exercícios. Os romanos construíram também anfiteatros (Coliseu), pontes, aquedutos, templos (Panteão), edifícios administrativos (Basílica), estradas e os arcos do triunfo: monumentos arquitetônicos símbolos das batalhas vitoriosas. Havia também as colunas monumentais decoradas com relevos descritivos. Nas casas romanas, era comum ter dois ou mais pavimentos (algumas tinham até oito), com estabelecimento comercial embaixo.
A maioria das esculturas romanas procurava fazer um retrato fiel, a idealização aparecia geralmente nas esculturas de imperadores. O rosto era a parte mais importante, também por isso a preferência por bustos, além de serem mais baratos e terem mais aceitação comercial.
Os romanos fizeram também bustos fúnebres. Quando substituíram a cremação pelo sepultamento, os sarcófagos eram decorados em alto relevo com temas diversos. Há também brinquedos (boneca de marfim articulada), utilitários decorados e estátuas para cultos particulares. Além disso, faziam os camafeus: pedras semipreciosas esculpidas para serem usadas como joias.

A pintura romana teve quatro estilos: no primeiro as paredes eram incrustadas com retângulos coloridos. No segundo, chamado também de arquitetônico, há perspectiva e às vezes a representação de colunas ou janelas para dar ilusão de espaço e tridimensionalidade.
O terceiro, o estilo ornamental, é mais detalhista e preocupa-se menos com a perspectiva. O quarto estilo, cenográfico, usa cores quentes, metalinguagem e valoriza mais os tetos. Os pintores romanos também faziam retratos, paisagens, pinturas triunfais e de cenas cotidianas, além dos mosaicos.
A música romana incorporou aspectos da grega e etrusca. Há registros de instrumentos musicais como a bucina (sopro em forma de G), ascaule (tipo de gaita de foles), alaúde (precursor da guitarra), além de diversos instrumentos de percussão (tambores, sinos e chocalhos).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *