Curso de Investidor de Sucesso

ESTRATÉGIAS DE INVESTIMENTOS EM AÇÕES

-Porque fazer milhões não é tão fácil…
Investidores novatos tem 95% de chance de ter prejuízo na bolsa de valores. Muitos acham que é azar, mas Investir com sucesso não tem nada a ver com má sorte. A causa muitas vezes está ligada ao medo que sentem quando os preços das ações começam a cair e por isto, se desfazem das ações antes delas gerarem lucro. Para ter sucesso no investimento em ações, você precisa ter disciplina, sangue-frio e principalmente, trabalhar duramente. E para não se tornar uma presa fácil do mercado, você precisa se armar com conhecimento, ferramentas e estratégias.
Negociar com ações é altamente arriscado. Então, você deve somente arriscar dinheiro que pode se dar ao luxo de perder. E nunca deve usar o dinheiro que precisa para os gastos diários, nem o dinheiro para a sua aposentadoria. Você deve começar com uma pequena quantia, uma vez que se sinta confiante, você pode então investir mais dinheiro.

Antes de começar a investir leia estas primeiras recomendações:

Expectativas realistas! Quando você for investir, é importante ter expectativas realistas. Não se engane em pensar que a freqüência ou o day trade (comprar para vender no mesmo dia) será um recurso de “dinheiro fácil”.
Sobre Prognósticos: Existe um monte de pessoas hoje em dia “jogando” no mercado de ações. Isto pode ser divertido, alegre e na maioria das vezes, pode ser embriagante! Mas seu dinheiro não é um jogo. Investigue seus investimentos, defina suas metas e objetivos e invista seu dinheiro em vez de “jogar” com ele.
Pense sobre a venda antes de você comprar. Antes de comprar uma ação, você deve considerar sua motivação e seu tempo. Monitore seus investimentos e tome suas decisões de venda baseado em sua meta original. Se você encontrar sua meta antes do tempo, você pode vender e sentir-se bem sabendo que alcançou o seu objetivo. Mas se seu tempo agendado passou e você não está perto de alcançar sua meta, talvez você deva considerar vender ou reajustar sua agenda.
Imagine o quanto você dispõe para perder. Algumas vezes, os valores de muitas ações caem de uma hora para outra. Algumas irão se recuperar e subir, mas outras não. Para evitar a segunda situação, você deve determinar bem antes quanto você quer ganhar para estar pronto para vender antes. Dependendo da sua situação pessoal, você talvez seja capaz de absorver uma certa porcentagem de perda, mas o principal é estabelecer um “stop”, ou seja, um ponto de perda para você e então acompanhá-lo.
Meça a performance de sua ação comparando com outras similares. Mesmo se a performance de suas ações não estiverem acima de sua expectativa, não abandone seus planos sem primeiro examinar a atmosfera geral. Se você pode encontrar um retorno melhor em outro lugar, talvez você deva procurar esta alternativa. Mas se todos os investimentos similares estão com a performance no mesmo nível, talvez você deva permanecer.
Você deve saber quando permanecer e quando ceder. Vender uma ação é uma das mais difíceis decisões enfrentadas por um investidor, enquanto que comprá-las é algumas vezes muito fácil. Como a maioria das decisões de investimento, vender é em parte uma ciência, em parte arte. Infelizmente para muitos investidores, isto pode virar pânico. Eles vendem quando suas ações caem. Eles vendem quando todo o mercado cai. Em resumo, eles vendem por razões emocionais! A maioria dos investidores é motivada por coisas como medo da perda e medo de arrepender-se – mais que as decisões racionais designadas para aumentar seu dinheiro. Essas decisões irracionais e emocionais são justamente o que os investidores de sucesso devem evitar. Se você não comprar uma ação antes que os preços subam, você perderá uma oportunidade de fazer um bom negócio. Mas se você manter uma ação e tomar a decisão errada quando vendê-la, você pode perder um ganho substancial e algumas vezes, parte do seu capital.
Não seja ganancioso! Quando o valor de uma ação está subindo bem acima da sua meta inicial, algumas vezes se torna difícil vendê-la. Lembre-se que vender tão cedo é muito mais preferível que vender tão tarde. Se você insistir em mantê-la, limite-se o quanto você pode perder se a ação começar a cair antes de você vender.
Investimentos periódicos podem ser um caminho fácil para construir sua carteira. Empregue esta técnica separando uma quantidade fixa todo mês para investir. Quando você investe a mesma quantia todo o tempo, você compra mais ações quando os preços estão baixos e menos quando os preços estão altos. O resultado: você pode potencialmente abaixar seu preço médio por ação. Esta técnica pode ser chamada de custo médio ou seja, significa colocar iguais quantias de dinheiro em intervalos regulares.
Sobre os preços: No curto prazo, o mercado move-se baseado no entusiasmo, medo, rumores e notícias. No longo prazo, raciocínio, e principalmente lucros e dividendos que determinam quando os preços das ações vão subir, descer ou estabilizar. Uma boa ação talvez continue subindo mesmo quando o mercado está caindo, enquanto uma ação ruim pode cair mesmo quando o mercado está subindo. Alguns dias os preços das ações fazem absoluto sentido. Outros dias parecem ridiculamente caras ou extremamente baratas. A chave para investir é determinar qual é o motivo da alteração dos preços em qualquer dia e então, tirar vantagens disto.
Proteja-se contra os enganadores da internet! É fácil para fraudadores fazerem suas mensagens parecerem reais e creditáveis, e também é quase impossível para investidores saber a diferença entre o fato e a ficção. Uma fraude comum é prover “opiniões sem base” e recomendações através de e-mail, fórum ou sala de bate-papo. Os fraudadores podem dizer que existem milhões de ações baratas e como a procura aumenta, o preço sobe, eles imediatamente vendem suas ações e logo em seguida os preços caem. Esta é uma prática comum, onde o investidor geralmente nunca recupera seu investimento. Estas mensagens falsamente promovem a companhia e elevam os preços das ações. Se a fraude ocorre como o planejado, causa uma mudança do preço e do volume negociado das ações desta companhia. Imagine se fosse possível saber que as ações de uma companhia iriam subir na semana que vem. É claro que todos iriam comprar, a procura iria aumentar e os preços subiriam mesmo. Para cada ação vendida, alguém comprou e para cada ação comprada, alguém vendeu. Os preços flutuam quando não existem compradores ou vendedores interessados nos preços correntes. No início deste ano, entrou em vigor uma norma da CVM obrigando as corretoras a controlar o conteúdo dos seus fórums.

23 comentários

  1. gislaine lima

    Nossa!! me sinto mais informada,util e feliz!!!
    Obrigada pela iniciativa!!!!
    Fica com Deus!!!

  2. Daiane silva

    Otimo curso, um conceito excelente no dia-dia!

  3. Parabéns pela iniciativa de disponibilizar este curso. Muito bom mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *