Curso de Découpage


Introdução ao curso de découpage:

Definição: Arte de revestir com gravuras. A palavra de origem francesa “découpage” significa recortar gravuras de papel e com estas revestir superfícies de objetos como madeira, metal, vidro e tecido.

A Découpage é uma técnica muito interessante e com possibilidades infinitas de figuras ou recortes que você aplica no objeto dando um acabamento maravilhoso e que bem feito encanta. A base normalmente são objetos feitos em lâminas de pinho, papelão, madeira pinus ou MDF, Duratex, tecidos, superfícies metálicas, vidro, velas, etc . As malas produzidas em Duratex ficam lindas quando decoradas com rótulos ou etiquetas antigas.
As figuras podem ser recortadas de vários tipos de papéis. Os mais utilizados são os importados da Itália e Austrália. Estão sendo produzidos alguns papéis no Brasil. Apesar de terem textura diferente dos papéis importados são muito utilizados, principalmente os comercializados pela soliarte: Daiara e Déia&Fabi. No final os trabalhos ficam muito bonitos. Podem-se comprar as figuras pré-recortadas, também importadas.
Existem dois períodos na prática da découpage. No primeiro período os produtores de peças em Découpage tinham que se virar para aplicar os recortes e no acabamento um bom verniz sempre ajudava na proteção final. Com o aumento da utilização dos guardanapos houve a necessidade de produtos (colas especiais) para aplicação e proteção. Surge então o segundo período da découpage onde as colas especiais se tornaram produtos indispensáveis na elaboração de produtos de qualidade.

Interessante é a história dos guardanapos. Conta o consultor Dalilo, especialista em guardanapos de primeira linha, que os guardanapos eram produzidos (principalmente na Alemanha e Holanda) para mesa posta, fazendo às vezes uma composição com pratos, xícaras, etc. Um detalhe muito importante, e por exigência dos consumidores mundo afora, é que os guardanapos produzidos na Europa são coloridos com corantes naturais a base d’água para serem levados à boca. Os artesãos começaram a utilizar o guardanapo no artesanato por sua textura (utiliza-se somente uma das 3 folhas do guardanapo) que facilitava a penetração da cola permeando o guardanapo no objeto a ser decorado.

Rapidamente os fabricantes de material para artesanato desenvolveram colas especiais que permitiram a aplicação também em tecidos (podendo ser lavados até em máquinas) e vasos que depois poderão ficar expostos às intempéries. Os fabricantes ficaram deslumbrados com a nova utilização do produto e aumentaram consideravelmente sua produção. A maior surpresa para os fabricantes foi a grande exportação dos guardanapos para o hemisfério sul, que não utiliza esses guardanapos para mesa posta e sim firmemente no artesanato.

74 comentários

  1. jose dias

    gostei muito do estilo do site

  2. LUCINEIA

    ADORO ARTESANATO ACHO LINDO GOSTARIA DE APRENDER DECOUPAGE ,MUITO LEGAL A INICIATIVA.

  3. Hozanélia Silva de Azevedo

    Gostaria muito de aprender decoupage, pois estou precisando fazer uma terapia ocupacional, por recomendação médica.Estou vendo neste curso uma forma de relaxar e aprender algo muito interessante.
    grata.

  4. MARLENE BISPO DOS SANTOS

    SOU UMA SENHORA COM MAIS DFE 60 ANOS E ADORON ARTEZANATO E ESTOU BUSCANDO NA DECOUPAGEM ESQUECER UMA SERIE DE PROBLEMAS DE SAUDE E AMENIZAR A SAUDADE COM A MORTE DO MEU FILHO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *