Curso de Bonsai

Cuidados a ter com um bonsai

Para um bom desenvolvimento do bonsai, é necessário ter em consideração três condições básicas: regar, alimentar e luz solar.

Objetivos

• Identificar e diferenciar cuidados básicos a ter com um bonsai.

Cuidados básicos

Para ser bem sucedido na Arte do Bonsai, terá que observar determinados cuidados básicos tendo sempre presente a satisfação das necessidades e condições de sobrevivência da planta, com a técnica que atribui o verdadeiro significado de bonsai à base vegetal.

Como qualquer planta, há três condições básicas a garantir para que o seu bonsai seja saudável:

Regar
Alimentar
Luz Solar

1- A rega

Para determinar a periodicidade da rega observe os seguintes sinais indicativos:

1. O grau de humidade do solo;

2. O nível de retenção de água pelo solo, variável de acordo com a constituição orgânica do mesmo;

3. As condições atmosféricas;

4. O tamanho do vaso.

Enquanto não se familiarizar com o seu bonsai deve verificar, diariamente, o nível de humidade do solo. Quanto mais pequeno for o vaso maior deverá ser o cuidado com o nível de humidade do solo.

O toque do solo pode ser um excelente meio auxiliar para determinar a periodicidade da rega. Regra geral, o bonsai é regado diariamente ou de dois em dois dias, de madrugada ou no final do dia, à mesma hora todos os dias.

Durante a rega:

• Cuidar para que seja moderada. A formação de pequenas poças de água à superfície é um indicador de que a rega foi em excesso. Quando em demasia, provoca o escoamento acelerado dos elementos nutritivos do solo e o gradual apodrecimento das raízes

• Após a rega das raízes, banhar as folhas, com gotículas, imitando a água da chuva. Durante o banho, resguardar a planta da luz directa do sol evitando que as folhas se queimem. Não molhar as folhas durante a noite porque poderão não secar o que proporciona o desenvolvimento de caruncho

• Em períodos de ausência prolongada, pode deixar um recipiente com água por baixo do vaso

• Como qualquer planta, as folhas devem manter-se limpas

2- O Alimento
A composição do solo é um dos aspectos mais importantes para o saudável desenvolvimento da árvore. Deve-se ter em conta que:

1. As raízes, suporte e fonte de alimento da planta, devem estar bem nutridas, oxigenadas e húmidas;

2. Uma boa mistura do solo optimiza a fertilização e a recolha de nutrientes;

3. Permite a drenagem de água em excesso obstando ao apodrecimento das raízes;

4. O equilíbrio entre a capacidade do vaso e o estádio de desenvolvimento da planta obriga à conservação e renovação periódica do solo.

A periodicidade da fertilização da planta varia de espécie para espécie e depende do estado do solo. As árvores necessitam de três nutrientes básicos; o nitrogénio, o fósforo e o potássio. Para além destes, são também importantes o cálcio, o ferro e o magnésio. Estes podem ser encontrados em fertilizantes químicos ou orgânicos.

Regras básicas para a correcta fertilização do bonsai:

• Regra geral, a planta é fertilizada de quinze em quinze dias

• A rega precede sempre a operação de adubagem. O solo seco dificulta a recolha e absorção dos nutrientes

• Durante a estação de crescimento, Março/Junho e Setembro/Outubro, o período entre fertilizações deve ser alargado para trinta dias, evitando o desenvolvimento excessivo da planta

• Não adubar durante a estação de Inverno

• Não adubar após transplante de vaso durante um período mínimo de três a quatro semanas

• Não alimentar plantas doentes

3- Luz solar

Essencial para o saudável desenvolvimento da planta. A quantidade e qualidade da luz solar variam de acordo com as características de cada espécie de árvore. A luz solar é essencial para o processo de fotossíntese e, por isso, para o desenvolvimento e regeneração normal de qualquer planta. Quando insuficiente, as folhas tendem a crescer mais do que o normal para aumentar a superfície de exposição, o que poderá ser desastroso para o design do bonsai. Como na rega, o factor principal é o equilíbrio. À medida que a familiarização com a árvore vai aumentando, é mais fácil determinar as suas necessidades e agir de acordo, evitando excessos prejudiciais para o seu desenvolvimento.

Neste caso, a divisão mais importante a considerar é a categoria das plantas de interior e de exterior.

Insetos e doenças

O bonsai pode ser tratado com fungicidas e insecticidas próprios com a salvaguarda de não serem demasiado agressivos.

A inspeção das folhas e das raízes no momento da rega e a manutenção do bom estado geral de saúde da planta, através dos cuidados com o solo, a correcta exposição solar, a rega e a circulação de ar, actuam como medidas preventivas contra o aparecimento de insectos e doenças.

Síntese

De forma a preservar o desenvolvimento saudável do bonsai, deverão ser assegurados cuidados básicos, nomeadamente rega, alimento e luz solar.

Estes três cuidados conciliados com uma boa circulação do ar e uma correcta inspecção das folhas e raízes aquando da rega, auxiliam a prevenção do aparecimento de insectos e doenças.

17 comentários

  1. Ótima apresentação…

  2. Muito bom essa iniciativa de divulgar a arte do cultivo de bonsai, A 15 anos cuido dessas plantinhas magníficas que tornou-se um estilo de vida e hobby, todos os dias eu procuro aprender mais, onde o professor é a própria natureza.
    Ficaria muito grato e honrrado com a visita de vcs no meu blog:
    bonsaiparaiba.blogspot.com
    Um Abraço a todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *